Cachorro Perdido? Conheça 7 Formas De Evitar Perder Cachorro

Cachorro Perdido?
Conheça 7 Formas De Evitar Perder Cachorro Saiba Onde Procurar Se Seu Cão Está Perdido

Anúncio de cachorro perdido é muito comum. Embora tenhamos o maior cuidado para que não aconteça, são inúmeros casos cotidianamente. Conheça os fatores mais comuns:

Cachorro Perdido

Porque perdemos nossos animais?

Esquecimento: a correria do dia a dia, o estresse, e outras situações como horários com compromissos etc podem contribuir para esquecermos os animais. Esses muitas vezes estão isolados, quietos e não atentamos a sua presença ou não sentimos sua falta.

 

Distração: semelhantemente ao esquecimento, podemos não dar falta dos bichanos se estamos muito ocupados, atentos ou relaxados demais com uma conversa, uma leitura, assistindo um vídeo… Essas situações são comuns, na maioria dos casos, na praia, em praças. Nesses locais ocorrem muitos casos de cachorros perdidos.

 

Sustos/Fugas: se seu cachorro não gosta de fogos de artifício e estrondos similares, basta um portão aberto, ou uma fresta ou um buraco na cerca para ele sair para a rua assustado. Da mesma forma, uma cachorra no cio solta na rua pode conquistar o coração do seu peludo e ele fará de tudo para estar perto dela.

 

Roubo/Furto: infelizmente, essa prática é a mais comum para o desaparecimento de animais, principalmente os de raça. Tanto pode ocorre no quintal da casa onde o cachorro mora como na rua, em locais públicos. Igualmente, ocorre também nos casos de roubo de veículos em que o animal está junto.

Conheça 7 Formas de Evitar Perder Cachorro

  • Adestrar o cachorro: ensinar comandos básicos, como obedecer sua voz quando escapar da coleira (por exemplo) são muito úteis e evitam que o animal empreenda fuga e desapareça do seu campo de visão.

 

  • Sons, estrondos, fogos de artifício: cães mais sensíveis com barulhos altos tendem a sair em pânico em qualquer direção. Portanto, ao se defrontar com essas situações segure o animal firmemente se estiver em local aberto, ou aprenda a acalmá-lo em casa com essas dicas: cães com medo de fogos de artifício.

 

  • Coloque um GPS rastreador no seu cachorro. Se, por exemplo, fores viajar, ir para a praia ou até deixá-lo só em casa. Inclusive, é interessante esse dispositivo quando entregar o cachorro para passeadores de cães / dog walkers. No mercado existem modelos  GPS embutidos em coleiras ou na forma de chaveiros.

 

  • Fique atento aos instintos do cão: raças historicamente consideradas de caça preservam esses extintos e podem querer escapar para correr atrás de pequenos animais, como gatos. Raças consideradas mais territoriais podem se incomodar com a presença de outros cães. Cachorros machos podem ser atraídos por fêmeas no cio. Portanto, atenção e mãos firmes nos passeios em ambientes com essas possibilidades.

 

  • Atenção/Dedicação: como já mencionado, uma das causas do desaparecimento de animais é a distração dos entes da família durante um momento descontraído. Ou mesmo se você é o único responsável no momento e estiver muito sobrecarregado ou com compromissos agendados. Dedique o tempo com seu peludo apenas com e para ele. Se a família estiver reunida, busque delegar alguém como responsável. Do mesmo modo, a tarefa pode ser compartilhada com todos.

 

  • Instrua o tutor temporário: seja um profissional, seja um familiar seu, seja um amigo, ou seja um vizinho, nenhum deles conhecem completamente seu pet. Ao deixar ele em casa, ou mesmo, sob os cuidados de alguém, instrua-lhe corretamente.

 

  • Entrar e sair do carro: muita atenção com animais dentro de veículos. O correto é mantê-lo preso e protegido link  Se, caso, o cão estiver solto, atenção na abertura da porta, pois podem sair super empolgados e se afastar de você.

Localizador de cães GPS lojas americanas

Saiba Onde Procurar Seu Cachorro Perdido

Quem já não soube de um amigo ou familiar que teve seu cachorro perdido? Isso se, ainda por cima, não tenha vivido a experiência de já ter perdido um.

Se você perdeu seu cachorro e está desesperado atrás dele, vamos lhe dar um roteiro que poderá lhe ajudar.

1 Pergunte a todos familiares e vizinhos se alguém viu ou saiu com o peludo. A simples ausência do cãozinho por uns instantes não pode ser motivo de pânico nem é suficiente para considerá-lo cachorro perdido. Claro, dependendo do ambiente em que estava. Em casa por exemplo, pode apenas ter saído com um familiar, por isso é importante se informar com os da casa. Após essa etapa, se ninguém viu, pergunte aos vizinhos.

2 Faça uma busca num raio de 3 ou 4 quarteirões de onde ele está perdido. Pode ter se afastado o mínimo e uma busca simples pode fazer você encontrá-lo. Pergunte aos comerciantes locais se viram cachorro com as características tais como do seu.

3) Se ainda não o encontrou, divulgue para seus amigos, redes sociais e grupos de conversa de bairro ou da cidade sobre o desaparecimento. Se julgar necessário registrar um BO (Boletim de Ocorrência) não hesite.

4) Se passar alguns dias e não o tiver encontrado, não desanime. Prossiga as buscas desta vez se informando de entidades e ONGs cuidadoras de animais na região que ele foi perdido. Temos uma página com uma lista de várias entidades de várias cidades de todo o Brasil, veja aqui. Ao encontrar essas entidades próximas do local, entre em contato.

Estamos criando um espaço no Blog Dogueando para divulgar a nossos leitores uma lista de animais perdidos. Se for o seu caso por favor entre em contato: contato@dogueando.com.br

Previna-se com as dicas que deixamos nesse artigo para que você  nunca tenha seu cachorro perdido ou para que isso não se repita mais.

Receba Atualizações

Não enviamos Spam.

Deixe uma resposta